Conheça os dois principais vistos de trabalho disponíveis na Irlanda!

Visto de trabalho na Irlanda – Conheça os dois principais!

Aplicação para os vistos de trabalho na Irlanda podem ser feitos por meio das critical skills.

1. General Employment Permit

A categoria General Employment Permit englobar profissionais das mais diversas áreas. Um dos requisitos para aplicar para este visto de trabalho na Irlanda:

Descrição completa do emprego proposto; É necessário que a vaga em questão não esteja em uma categoria de trabalho excluída sob as Categorias de Emprego Inelegíveis para o visto; Informações relativas às qualificações ou experiência exigidas para a vaga; Remuneração anual mínima – geralmente é de 30.000 euros. No entanto há exceções como: € 27.000 para estudantes não pertencente a União Europeia – que se formou nos últimos 12 meses, em uma instituição irlandesa de terceiro nível, e recebeu uma proposta de trabalho em área presente na lista de carreiras elegíveis. entretanto, a remuneração mínima anual deve ser de € 30.000 na fase de renovação;

€ 27.000 para estudantes não pertencente a União Europeia EEA – que se formou nos últimos 12 meses em uma instituição de terceiro nível no exterior, e recebeu uma proposta como profissional na área de TI. Entretanto, a remuneração anual mínima deve ser de 30.000 euros na fase de renovação;

€ 27.000 para uma posição que requeira uma pessoa fluente na língua oficial de um estado que não seja um Estado membro da União Europeia, onde a vaga seja apoiada por uma agência de desenvolvimento empresarial e o emprego seja: atendimento ao cliente em papel de vendas com conhecimento relevante do produto; um papel especializado em marketing digital e vendas on-line, ou suporte especializado em idiomas e suporte técnico de vendas; € 27.500 para vagas de açougueiro. A principal vantagem desse visto é que ele possui uma gama mais ampla de ocupações do que as outras classes de permissão de trabalho. Com isso, exceto as carreiras descritas na lista de carreiras inelegíveis para visto, todos os profissionais podem se candidatar, desde que atendam aos requisitos descritos acima.

Quais os pré-requisitos considerando a empresa?

Somente serão aceitas inscrições de empregadores devidamente cadastrados no Revenue (equivalente à Receita Federal na Irlanda). Outro fator é que o visto de trabalho é emitido apenas se pelo menos 50% dos empregados da empresa sejam cidadãos da União Europeia (regra dos 50:50).

Quanto custa?

€500 para uma autorização de trabalho de 6 meses ou menos; €1.000 para uma autorização de trabalho de 6 meses a 24 meses de duração;

Tempo de processamento

A entrada no visto deve ocorrer num período mínimo de 12 semanas da data proposta para início no trabalho.

É necessário sair da Irlanda para aplicar para o visto?

Não, estudantes portadores do visto Stamp 2, por exemplo, podem aplicar para o visto de trabalho na Irlanda sem precisar deixar o país.

Pode-se migrar do visto de estudante?

Sim. Estudantes que receberem uma oferta de trabalho dentro das categorias elegíveis descritas acima podem aplicar para o visto de trabalho.

2. Critical Skills Employment Permit ou Green Card

As ocupações elegíveis sob este tipo de autorização são consideradas extremamente importantes para o crescimento da economia da Irlanda, são altamente exigidas e altamente qualificadas e em escassez significativa de oferta no nosso mercado de trabalho.

Para ser elegível a este visto é necessário:

Ocupações com uma remuneração anual mínima de € 30.000 áreas descritas na lista de carreiras elegíveis ao visto. Uma qualificação universitária é requisitada para aplicação ao visto. Todas as profissões com uma remuneração anual mínima superior a € 60.000, desde que não estejam inclusas na lista de carreiras inelegíveis ao visto. Um cidadão não pertencente a EEE que não possua uma qualificação superior ou superior, deve ter o nível necessário de experiência para aplicar para o visto. O empregado deve ter garantido uma oferta de trabalho de 2 anos.

Áreas elegíveis

O DBEI disponibiliza online uma lista completa das áreas que atualmente sofrem com a de profissionais qualificados na Irlanda e que, consequentemente, necessitam de profissionais estrangeiros para suprir a demanda. Vale destacar que esta lista é atualizada diversas vezes durante o ano, com a inclusão de novas profissões.

Como aplicar

Todo o processo de aplicação para os vistos de trabalho irlandeses deve ser feito por meio do site do Departamento de Negócios, Empresa e Inovação (DBEI). Como mencionamos anteriormente, tanto o empregador quanto o empregado podem realizar a inscrição e submeter a documentação exigida.

Vale destacar que é necessário encaminhar a aplicação para o visto pelo menos 12 semanas antes da data proposta para o início do trabalho. Ou seja, se empregador deve estar preparado para esperar, pelo menos 3 meses para que você ocupe o cargo que lhe foi oferecido.

O formulário é divido em seis partes, sendo a primeira com informações cadastrais do contratante e a segunda e terceira com dados cadastrais do contratado, como nome, endereço, estado civil, IRP, histórico educacional, se possui emprego atualmente e, se sim, qual a permissão que teve para trabalhar até agora. Como, por exemplo, o visto de estudante que tiramos para o intercâmbio que te permite trabalhar 20 horas semanais.

Na quarta parte do formulário é que a atenção deve redobrar, pois é nela que o deve-se virar um expert em marketing pessoal, mostrando que tem habilidades e experiências que um possível empregado europeu não teria.

Na quinta parte do formulário, são detalhadas as informações sobre salário e as formas de pagamentos acordadas com a empresa. E na sexta e última parte são especificados os termos e condições de aceitação para o visto de trabalho. Nele, são solicitadas as assinaturas originais, abaixo das declarações necessárias para a aplicação, do empregador, do empregado e da agência, caso a contratação tenha sido feita por uma agência de empregos.

Validade do visto

O visto de Critical Skills é emitido por um período de dois anos e após este período ele não precisa ser renovado. Ao invés, o profissional pode aplicar para o visto stamp 4, que lhe dará o direito de morar e trabalhar na Irlanda por até dois anos, podendo ser renovado. Após um período de 60 meses com o visto stamp 4 o profissional poderá aplicar para residência de longo prazo.

Image 0

Leave a Comment

Your email address will not be published.